De Profundis by Oscar Wilde

De Profundis

byOscar Wilde, Júlia Tettamanzy, Maria Angela Aguiar

Kobo ebook | January 5, 1998

Pricing and Purchase Info

$3.99

Prices and offers may vary in store

Available for download

Not available in stores

about

De todos os dândis que encantavam a sofisticada sociedade londrina do final do século XIX, o mais brilhante e luminoso era sem dúvida Oscar Fingal O'Flahertie Wills Wilde (Dublin 1854-Paris 1900). Célebre, respeitado, Wilde vivia o ano de 1895 como o grande autor de O retrato de Dorian Gray (1891) e de três peças que faziam sucesso no momento: "O leque de Lady Windermere", "Um marido ideal" e "A importância de ser prudente". Neste mesmo ano, acusado de crimes de natureza sexual, foi processado pela família de Lord Alfred Douglas, um jovem aristocrata por quem se apaixonara e com quem compartilhava um excêntrico estilo de vida. Condenado, sua vida mudou radicalmente e o talentoso escritor viu-se encarcerado por dois anos que consumiram sua saúde e fulminaram sua reputação. Preso, o autor de Salomé (1893) produziu, entre outros escritos, este "De profundis", o clássico anarquista, "A alma do homem sob o socialismo" e a célebre "Balada do cárcere de Reading".

Title:De ProfundisFormat:Kobo ebookPublished:January 5, 1998Publisher:L&PM Editores

The following ISBNs are associated with this title:

ISBN - 10:8525423661

ISBN - 13:9788525423665

Reviews

From the Author

De todos os dândis que encantavam a sofisticada sociedade londrina do final do século XIX, o mais brilhante e luminoso era sem dúvida Oscar Fingal O'Flahertie Wills Wilde (Dublin 1854-Paris 1900). Célebre, respeitado, Wilde vivia o ano de 1895 como o grande autor de O retrato de Dorian Gray (1891) e de três peças que faziam sucesso no momento: "O leque de Lady Windermere", "Um marido ideal" e "A importância de ser prudente". Neste mesmo ano, acusado de crimes de natureza sexual, foi processado pela família de Lord Alfred Douglas, um jovem aristocrata por quem se apaixonara e com quem compartilhava um excêntrico estilo de vida. Condenado, sua vida mudou radicalmente e o talentoso escritor viu-se encarcerado por dois anos que consumiram sua saúde e fulminaram sua reputação. Preso, o autor de Salomé (1893) produziu, entre outros escritos, este "De profundis", o clássico anarquista, "A alma do homem sob o socialismo" e a célebre "Balada do cárcere de Reading".