Tradições discursivas em jornais paulistas de 1854 a 1901: Gêneros entre a história da língua e a história dos textos by Alessandra Castilho da Costa

Tradições discursivas em jornais paulistas de 1854 a 1901: Gêneros entre a história da língua e a…

byAlessandra Castilho da Costa

Kobo ebook | February 21, 2011

Pricing and Purchase Info

$16.69 online 
$20.79 list price save 19%

Prices and offers may vary in store

Available for download

Not available in stores

about

Scientific Study from the year 2010 in the subject Romance Languages - Portuguese Studies, University of Sao Paulo; Department of philosophy (Letras e Ciências Humanas), course: Língua Portuguesa e Filologia, language: Portugues, abstract: Existem diferenças entre a língua de cada geração. Os pais não falam a mesma língua dos filhos, tampouco a mesma língua de seus próprios pais. Algumas pessoas até mesmo se preocupam com o 'declínio' da língua portuguesa1. Segundo suas percepções, os mais jovens não sabem falar português e a língua portuguesa está se deteriorando. Na verdade, a língua portuguesa não se torna a cada geração menos útil ou funcional. Essa sensação de 'declínio' provém de um simples fato: as línguas mudam. As línguas naturais estão sujeitas à variação: não falamos do mesmo modo, por exemplo, em São Paulo, em Minas Gerais, no Rio Grande do Norte (variação diatópica). Há maneiras de falar mais formais e outras mais informais e populares (variação diastrática). Também não falamos do mesmo modo em uma palestra proferida na universidade e em uma conversa com amigos (variação diafásica). Estudar as mudanças lingüísticas do Português Brasileiro é também estudar a história dessas variações. Contudo, reside aí um problema: a língua é colocada em funcionamento por meio de textos e gêneros e existe uma ligação entre a variante lingüística utilizada e o texto que concretiza essa variante. Cada gênero textual privilegia a utilização de uma determinada variante lingüística e de determinadas formas lingüísticas. O que vale dizer: a história da língua está ligada à história dos textos e dos gêneros. É por meio dos gêneros textuais que fenômenos lingüísticos são criados, adotados, disseminados, suprimidos, apagados, reabilitados. Essa observação traz uma conseqüência metodológica relevante para a Lingüística Histórica: não se pode estudar a evolução de uma língua a partir de qualquer texto. [...]

Title:Tradições discursivas em jornais paulistas de 1854 a 1901: Gêneros entre a história da língua e a…Format:Kobo ebookPublished:February 21, 2011Publisher:GRIN Publishing

The following ISBNs are associated with this title:

ISBN - 10:3640837959

ISBN - 13:9783640837953

Look for similar items by category:

Reviews